"É melhor ser alegre do que triste, alegria é a melhor coisa que existe!"

quinta-feira, abril 20, 2006

Pra onde foram os gregos?

Acho que foi ano passado que vi Casamento Grego, ate então pensava que vivia numa família de descendências misturada - italianos, portugueses, índios, negros, quem sabe ate de alemães. Mas eles não sabiam que no fundo eram gregos.

Aquele monte de tios, tias, primos, noras, cunhados, só podiam ser gregos!
Sim, falavam sempre todos juntos e numa altura ensurdecedora. Almoço de domingo parecia mais uma festança... crianças correndo, tias cortando batatas, tios na churrasqueira, musica alta, dança...

Nunca ri tanto em frente à tv ao ver aquela família grega que espelhava tanto a minha.

E a mesa, enorme, farta, cheia de garfos e facas ....
Sobremesas, que foram sendo cada vez mais diversificadas quando comecei a me aventurar pelas receitas em busca do melhor sabor.

Não importava a data, nem precisava ser uma data comemorativa, todo domingo era dia de reunião, vinham todos....
Era uma comemoração sempre, no sentido literal da palavra, reuníamos para comer muito bem.

Onde será que foram parar todos aqueles gregos?
Dos sete, ficaram seis, cada um em seu canto quieto com suas famílias.
Depois que um se foi, não se entenderam mais, como se cada um optasse por uma nova nacionalidade.
Será que desistiram de ser gregos?

Não há mais data que consiga reunir todos!
Sempre fica um faltando, ou outro que não quer mais participar.

Não sei bem porque. As comidas continuam ótimas, eu já sei fazer sobremesas mais gostosas, ainda há crianças correndo, mas não há mais nenhum domingo como aqueles.

Pra onde foram todos que dançavam e comiam juntos, que eram felizes pelo simples fato de estarem juntos, falando ao mesmo tempo, cada um, um pouco mais alto que o outro, para poder ser ouvido. E todos se entendiam!

Não e possível que tenham esquecido da alegria daqueles dias.

Nenhum comentário: