"É melhor ser alegre do que triste, alegria é a melhor coisa que existe!"

sábado, setembro 23, 2006


Ver o sol se pôr é tão bom quanto ver ele nascer. Sem dúvida nenhuma. Um dos espetáculos mais bonitos da natureza.
Sentar e assistir este momento é sensacional. Nem lembrava mais de como era.
Observar a quantidade de tons de azul do céu e do Guaíba, com aquele sol amarelo alaranjado, o reflexo do sol, na água. Depois ver um reflexo rosa nas nuvens.Parar , observar, esperar o sol se pôr, não pensar em nada de que está a sua volta. Só observar. Escutar o silêncio. Sentir-se viva. Ouvir o canto de alguns pássaros que ficam por ali, sobrevoando. Sentir o vento no rosto. E ver o quanto as coisas mais simples da vida fazem tão bem e são o que realmente importa. Onde será que eu estava todo este tempo, que não ali, me sentindo viva?

9 comentários:

Sean Hagen disse...

*

adoro quando o sol se esconde, aquele momento que não é noite nem dia.
e que no verão, dura um bom tempo, mantendo o colorido forte do por-do-sol.
mas o amanhecer eu não gosto não.
fujo como o diabo da cruz, drácula em busca do caixão.
é só perceber que o céu tá começando a ficar clarinho que me escondo.
e fecho bem aperto os olhos.


*

marcia disse...

realmente, grazi, esta hora é mágica. a noite vem, virá, veio. plena de possibilidades e mistério, como a noite sempre é. e ainda temos o privilégio de ver o sol morrer no Guaíba. :)

katinewalmrath disse...

Que delícia, Grazi!
E tu tem a sorte de ver praticamente no "pátio" este espetáculo da natureza. Muito bom.
Acho lindo o pôr-do-sol e a contemplação a que nos leva, mas confesso que a energia da aurora pra mim é inspiradora.

Sean Hagen disse...

*

KATINE
essa é a dierença entre o lado bom e o mau da força.
:p

*

katinewalmrath disse...

Sei lá, Sean, vejo mais como um universo de (infinitas?) possibilidades.
;)

Sean Hagen disse...

*

por mais possibilidades que tenha, katine, fico com o escuro.
é atração fatal.


*

Ana disse...

Não consigo escolher entre o nascer e o pôr de sol. Nem entre a noite e o dia, o escuro e o claro!
Gosto de todos estes momentos, desde que aprendi a observar e simplesmente "sentir".

Mas o pôr de sol no Guaíba é realmente um show. Deveria ter um anfiteatro, só pra se poder assistir este espetáculo devidamente acomodado!

Rosamaria disse...

Graziana

Tive a maior surprêsa ao encontrar teu comentário lá no meu blog, depois de ficar uns dias fora! Adorei, guria, volta sempre!

Adorei tb a maneira que desceveste o pôr do sol. Me senti na beira do Guaíba.
Como a Ana, não saberia escolher entre o nascer e o pôr do sol.

Graziana disse...

Sean - o pôr-do-sol é fascinante, assim como o nascer do sol. como a Ana disse, depois que se aprende a observar, o nascer e o pôr-do-sol tem a mesma beleza.

Marcia - realmente é uma mágica, o pôr-do-sol traz a noite e seus mistérios sim ;)
E o pôr-do-sol no Guaíba pra mim é o mais bonito que já vi :)

Katine - tenho a possibilidade de ver este espetáculo bem de perto, mas não tenho visto tanto quanto gostaria, quem sabe tire mais tempo pra isso daqui pra frente :)

Ana - tenho fases de preferir o pôr-do-sol e fases de preferir o nascer do sol, digamos que eu me encontre naquela que o pôr-do-sol seja mais inspirador e revelador ;)

Rosa - Adoro tuas receitas, teu blog é muito bom! Estarei sempre por lá te visitando sim. Venha sempre aqui tb!
Como disse a Ana, quando apredenmos a "sentir" fica mais dificil escolher entre os dois, pois o nascer e o pôr-do-sol possuem muita beleza, fica muito dificil optar. Eu tenho fases que gosto mais de um ou de outro ;)